Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

18 de ago de 2017

Thalita Pertuzatti Inaugurando a série de shows intimistas batizada de Grand Sessions, mais novo projeto do cinco estrelas Grand Mercure, a varanda do Brisa Restô recebe a cantora Thalita Pertuzatti, dia 26 de agosto, a partir das 20h.


Grand Mercure estreia projeto Grand Sessions com show de Thalita Pertuzatti, ex-The Voice


Noite inclui jantar exclusivo preparado pelo chef Victor Hugo. Palco 360º será montado na varanda do Brisa Restô, com capacidade para 300 pessoas sentadas.

Inaugurando a série de shows intimistas batizada de Grand Sessions, mais novo projeto do cinco estrelas Grand Mercure, a varanda do Brisa Restô recebe a cantora Thalita Pertuzatti, dia 26 de agosto, a partir das 20h.  Ex-The Voice e considerada a “Whitney Houston brasileira” pelo público,
Thalita chama a atenção pelo domínio vocal e seu repertório com muito R&B, MPB e world music, que estarão presentes no setlist da noite do próximo sábado. Com um palco 360º construído no meio do espaço, o primeiro Grand Sessions será aberto com uma apresentação do cantor e compositor Guilherme Boisson, enquanto o público saboreia um buffet completo e exclusivo criado pelo chef espanhol Victor Hugo (cardápio abaixo). Ao final do jantar, às 21h30, tem início o show da grande atração da noite.


O pacote com direito ao jantar no Brisa Restô e aos shows de Guilherme Boisson e Thalita Pertuzatti, custa R$ 140,00/pessoa 
(sem bebida) e já está a venda pela internet, com taxa de serviço: http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913 ou diretamente na recepção do Grand Mercure Riocentro.


Grand Sessions com Thalita Pertuzatti
Local: Hotel Grand Mercure
Av. Salvador Allende, 6555 - Barra da Tijuca
Data: 26 de agosto
Horário: 20h
Abertura: Guilherme Boisson
Banda Principal: Thalita Pertuzatti
Ingressos: 
http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913

Valor: R$ 140 (jantar incluso e bebidas à parte)

Estacionamento no local
Classificação: 18 anos.

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj

OFICINA GRATUITA DE MACHADO DE ASSIS com Bruno Lara Resende, de 24 de agosto a 23 de novembro no Teatro Ipanema


OFICINAS

OFICINA MACHADO DE ASSIS
com Bruno Lara Resende




Bruno Lara Resende é autor e diretor teatral, tendo criado importantes adaptações de clássicos da literatura para a cena, como Madame Bovary, O Filho Eterno e O Inspetor Geral.
O sobrenome familiar herdou do pai, o escritor Otto Lara Resende.

Bruno oferece no Teatro Ipanema uma oficina que consiste na leitura de parte da obra em prosa de Machado de Assis e de exercícios de adaptação e encenação dos textos selecionados. A oficina, gratuita, terá a duração de três meses e acontecerá, a partir de 24 de agosto até 23 de novembro, todas as quintas-feiras, de 10h às 14h. A seleção dos participantes, em número máximo de 21(vinte e um), será feita através da análise de currículo e carta de intenção.


Custo: gratuita
Duração: três meses
Período: de 24 de agosto até 23 de novembro
Horário: todas as quintas-feiras, de 10h às 14h
Inscrições para seleção através e-mail: oficinateatroipanema@gmail.com
Teatro Ipanema

SAIBA  MAIS 


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

" TUDO O QUE HÁ FLORA" A trama, que poderia ser apenas uma história de amor entre um casal, revela aos poucos um lado sombrio.


TUDO O QUE HÁ FLORA




Flora é uma dona de casa que cumpre um ritual diário enquanto espera o marido para o almoço. A espera ainda traz à tona aquela mesma ansiedade. Nada como os privilégios de um casal apaixonado. Quando a rotina parece cumprir seu papel, Flora recebe uma visita inesperada de dois conhecidos. Em meio à tensão gerada pela presença dos dois homens em sua casa e pela iminente chegada do marido, discussões e revelações levam Flora a um inevitável reencontro com um passado que ela insiste em tentar esquecer.


A trama, que poderia ser apenas uma história de amor entre um casal, revela aos poucos um lado sombrio. “Queríamos falar sobre como as pessoas conversam, mas não se escutam e muitas vezes vivem em uma aparente normalidade que nunca existiu, tentando esconder a solidão e suas imperfeições”, resume Leila Savary. Para contar essa história, os três pensaram em seguir uma linha tragicômica, como explica Thiago Marinho: “Procuramos uma linguagem que fosse ao mesmo tempo engraçada e que provocasse reflexão. Foi assim que chegamos ao ‘teatro do absurdo’, com seus jogos de palavras e humor non sense”


SAIBA MAIS 


26 de agosto a 02 de outubro
Sábados às 21h, domingos e segundas às 20h
R$ 40,00 (inteira) - R$ 20,00 (meia)
Duração: 70 minutos
Classificação indicativa: 14 anos
Teatro Ipanema


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Espetáculo infantil “RAPUNZEL” Adaptação de Leonardo Simões a partir do conto dos irmãos Grimm

Agenda Cultural RJ: Espetáculo infantil “RAPUNZEL” , de 5 a 27/08 no Teatro Glauce Rocha.

Espetáculo infantil “RAPUNZEL”
Adaptação de Leonardo Simões a partir do conto dos irmãos Grimm

Nessa adaptação a história da menina de longas tranças, que é presa numa torre pela bruxa má, é contanto por uma empregada doméstica, mesclando referências da fantasia com os seus afazeres, como forma de tornar mais leve sua rotina de trabalho. O cenário é construído com materiais domésticos que remetem ao ambiente onde a história é narrada. A peça estará em cartaz de 05 a 27 de agosto, sábados e domingo, às 16h no Teatro Glauce Rocha.

Saiba mais

SERVIÇO:
RAPUNZEL
Data: 05 a 27 de Agosto – Sábados e Domingos 16h
Endereço: Teatro Glauce Rocha - Av. Rio Branco, 179 - Centro
Telefone: (21) 2220-0259
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Classificação: Livre


Duração: 50 min


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas.Divulgação de Mídia Online.Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com#agendaculturalrj Instagram

Espetáculo "PAI" De Adriana Falcão e Luiz Estellita Lins Direção Cássia Villasbôas Com Ivan Mendes e Daniela Carmona na Arena do Sesc Copacabana

Espetáculo "PAI"
De Adriana Falcão e Luiz Estellita Lins
Direção Cássia Villasbôas
Com Ivan Mendes e Daniela Carmona
Estreia 11 de agosto na Arena do Sesc Copacabana



Na montagem de 'PAI'. novo texto de Adriana Falcão e do filósofo Luiz Estelita Lins, loucura e sanidade, conceitos tecidos pelo filósofo Gilles Deleuze e pelo psicanalista Felix Gattari, trazem à tona as experiências de um louco que acredita que é Jesus Cristo em sua última hora de vida, quando encontra personagens bíblicos para uma reflexão.

A prosa poética de Adriana e a filosofia cotidiana de Luiz Estellita, se encontram novamente numa obra provocante, capaz de encantar e desafiar o público com um questionamento sobre o sentido da vida para além dos sucessos e fracassos cotidianos, numa era em que o imediatismo parece devorar valores como a ética, o bom senso e o próprio espírito.

Encenado pelo jovem ator Ivan Mendes ao lado da artista gaúcha multifacetada Daniela Carmona,  o espetáculo marca a estreia de Cássia Villabôas assinando a sua primeira direção artística.  Com uma trajetória consolidada como produtora teatral, estando à frente de grandes projetos através da NOVE Produções Culturais, esse trabalho é a terceira parceria de Cássia com os autores Adriana Falcão  e Luiz Estellita Lins.

Para completar o time criativo o espetáculo conta ainda com a assinatura de Ronald Teixeira na direção de arte,  direção de movimento de Raquel Karro, iluminação de Renato Machado, cenário e figurinos de Ronald Teixeira e Guilherme Reis, adereços de Maria Adélia, sonoplastia de Renato Ollé e concepção gráfica de Studio Quarto 315.

Em um lugar simbólico, no qual este personagem se idealiza, o nosso Jesus, aos trinta e três anos de uma vida intensa, se vê confrontado com os mais agudos sofrimentos da natureza humana, a traição e o abandono. Afirmando que lhe resta apenas uma hora antes que seu destino seja cumprido, o personagem se revolta contra uma espécie de armadilha em que acredita ter sido envolvido. Aquele a quem chamava de “Pai”, um ente todo-poderoso  capaz de lhe conferir poderes sobrenaturais e divinatórios, agora lhe cobra a própria vida, submetendo-o a uma condenação injusta, à execração pública e, por fim, à crucificação.

Entre o delírio e a metáfora, o louco será visitado por diversos personagens de sua fantasia e viverá o dilema de encarar o seu destino ou fugir dele. Ao mesmo tempo que pavimentam o arco dramático, a jornada em busca do “Pai” e do sentido para a vida e para  a morte, os outros personagens da estória - vividos por uma mesma atriz - abrem saídas e possibilidades que resgatam o sentido da esperança e da realização, através da palavra, da música, do contato. Para Deleuze e Gattari, sanidade não é normalidade, e sim, a diferença individual vivida de maneira plena e libertadora.

SAIBA MAIS 


 SERVIÇO
Datas: de 11 de agosto a 03 de setembro
Horários:  sextas e sábados 20h30  I domingo 19h
Local:  Arena do Sesc do Copacabana
Endereço: Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana, Rio de Janeiro - RJ
Informações: (21) 2547-0156
Ingressos: R$ 6 (associado do Sesc), R$ 12 (meia), R$ 25 (inteira)
Bilheteria - Horário de funcionamento: Segundas - de 9h às 16h; Terça a Sexta - de 9h às 21h;
Sábados - de 13h às 21h; Domingos – de 13h às 20h.
Classificação indicativa: 12 anos
Duração: 1h10
Lotação: 250 lugares
Gênero: Comédia Dramática

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Comédia de Márcio Américo retrata a história de Clóvão, um brasileiro, que como todos, não desiste nunca dos seus sonhos.
Foto divulgação: Kelly Knevels
Fã da eterna chacrete entra numa série de confusões por amor à musa dos anos 70

Comemorando 120 apresentações e 7 anos de montagem,  a Tartufaria de atores reestreia o espetáculo “O Homem que queria ser Rita Cadillac” dia 4 de agosto, 21h no Teatro Casa de Baco, Lapa.

 A comédia de Márcio Américo conta a história de Clovão - um homem perdidamente apaixonado pela musa do “Cassino do Chacrinha”, Rita Cadillac que, acreditando que só será possível conquistá-la tendo dinheiro, planeja assaltar um banco, mas acaba sendo preso. Na cadeia, conhece Jotalhão - um matador que o ajuda a elaborar um plano de fuga inspirado em um programa de tv sensacionalista. O desfecho traz questionamentos sobre as intenções do protagonista.

A montagem, que rodou o Brasil, esteve em cartaz em grandes teatros e foi aplaudida por mais de 20 mil espectadores, cumpre temporada até dia 26 de agosto, as sextas e sábados, 21h.

Recheada de situações cômicas absurdas, a peça dirigida por Fábio Guará, tem pitadas de humor político e trilha sonora inusitada.


 SAIBA MAIS 



FICHA TÉCNICA:
Texto: Márcio Américo
Direção: Fábio Guará
Elenco: Celso Jardim, Daniel Bouzas, Fabrício Victorino, Fábio Guará, Pedro Rodrigues, e Lucas Tapioca

Supervisão artística: Ricardo Blat
          
SERVIÇO:
Reestreia: 04 de agosto
Local: Casa de Baco – Rua da Lapa, 243 – Telefone: (21) 3796-6191
Temporada: De 04 a 26 de agosto
Horários: Sexta e sábado, 21h
Valor: R$ 20,00 (Inteira) R$ 10,00 (meia)
Duração: 60 min.
Classificação: 14 anos
Gênero: Comédia
Capacidade: 70 lugares

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Inaugurando a série de shows intimistas batizada de Grand Sessions, mais novo projeto do cinco estrelas Grand Mercure, a varanda do Brisa Restô recebe a cantora Thalita Pertuzatti, dia 26 de agosto, a partir das 20h.

Grand Mercure estreia projeto Grand Sessions com show de Thalita Pertuzatti, ex-The Voice


Noite inclui jantar exclusivo preparado pelo chef Victor Hugo. Palco 360º será montado na varanda do Brisa Restô, com capacidade para 300 pessoas sentadas.

Inaugurando a série de shows intimistas batizada de Grand Sessions, mais novo projeto do cinco estrelas Grand Mercure, a varanda do Brisa Restô recebe a cantora Thalita Pertuzatti, dia 26 de agosto, a partir das 20h.  Ex-The Voice e considerada a “Whitney Houston brasileira” pelo público,
Thalita chama a atenção pelo domínio vocal e seu repertório com muito R&B, MPB e world music, que estarão presentes no setlist da noite do próximo sábado. Com um palco 360º construído no meio do espaço, o primeiro Grand Sessions será aberto com uma apresentação do cantor e compositor Guilherme Boisson, enquanto o público saboreia um buffet completo e exclusivo criado pelo chef espanhol Victor Hugo (cardápio abaixo). Ao final do jantar, às 21h30, tem início o show da grande atração da noite.


O pacote com direito ao jantar no Brisa Restô e aos shows de Guilherme Boisson e Thalita Pertuzatti, custa R$ 140,00/pessoa 
(sem bebida) e já está a venda pela internet, com taxa de serviço: http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913 ou diretamente na recepção do Grand Mercure Riocentro.


Grand Sessions com Thalita Pertuzatti
Local: Hotel Grand Mercure
Av. Salvador Allende, 6555 - Barra da Tijuca
Data: 26 de agosto
Horário: 20h
Abertura: Guilherme Boisson
Banda Principal: Thalita Pertuzatti
Ingressos: 
http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913

Valor: R$ 140 (jantar incluso e bebidas à parte)

Estacionamento no local
Classificação: 18 anos.


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Comédia “A peça ao lado”, inspirada na obra de Jean Tardieu, em cartaz na Sede das Cias. Montagem inédita marca parceria entre a Cia Ao Lado e o diretor Delson Antunes.



Comédia “A peça ao lado”, inspirada na obra de Jean Tardieu, em cartaz na Sede das Cias.
Montagem inédita marca parceria entre a Cia Ao Lado e o diretor Delson Antunes.

Durante uma noite chuvosa, um grupo de atores mambembes ocupa um teatro público no intuito de se proteger. Encantado com o local, encontra textos do dramaturgo francês Jean Tardieu e inicia encenações divertidíssimas até que esses atores sejam expulsos pelo administrador do espaço que não os reconhecem como artistas. Com humor ácido, crítico e um texto livremente inspirado no universo de Tardieu e em Dario Fo, a montagem inédita de “A Peça ao Lado” marca a primeira parceria entre a “Cia Ao Lado” e o diretor Delson Antunes, que também assina a adaptação do texto ao lado de Victor Lósso e dos atores da Cia Ao Lado.  A peça conta ainda com a pesquisa de Clown e Bufão orientada por Daniela Carmona e traz no elenco João Telles, Luíza Surreaux, Marcos Guian, Milla Fernandez e Valléria Freire, acompanhados pelos músicos Dani Ruhm e Pedro Botafogo. A estreia acontece dia 4 de agosto na Sede das Cias onde cumpre temporada de sexta a segunda, às 20h, até o dia 28 de agosto.

“A Peça ao Lado é um espetáculo construído com diversas referências da comédia universal, como a Commedia dell’art, o melodrama e a farsa. O roteiro é o resultado de uma pesquisa de linguagens, com um grupo de jovens atores. É uma comédia aparentemente despretensiosa, mas, além de divertir, aos poucos se torna uma reflexão crítica sobre o teatro e sobre alguns valores da nossa sociedade. Uma homenagem aos artistas que dedicaram as suas vidas a essa arte milenar e seu poder de comunicar, emocionar e transformar o homem”, conta Delson, que desde o final de 2016 se reúne com os atores num processo colaborativo.

SAIBA  MAIS 


FICHA TÉCNICA

SERVIÇO
A peça ao lado
Estreia: Dia 4 de agosto
Horário: De sexta a segunda-feira – 20h
Local: Sede das Cias
Endereço: Rua Manuel Carneiro, 10 – Escadaria do Selarón - Lapa - Telefone: (21) 2137-1271
Temporada: De 4 a 28 de agosto
Classificação: 12 anos
Preço: R$ 40,00 inteira / R$ 20,00 meia
Duração: 60 min.
Gênero: Comédia

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj

  Instagram

O Auto Da Compadecida Quintas e Sextas-Feiras de Agosto Sala Baden Pawell - Copacabana / as 20 horas.


O Auto da Compadecida, clássico de Ariano Suassuna, entra em cartaz a partir de 03/07, na Sala Baden Powell, em Copacabana, para uma temporada de um mês, todas as quintas e sextas-feiras de agosto.
O elenco é formado por veteranos da nossa TV como Willian Vita, no ar em “A Força Do Querer”, novela da Rede Globo, como o comandante de Jeiza (Paola Oliveira), Ismar Santos, que conta com mais de 15 novelas, Lucas Leone, o Adamastor de “Pega Pega”, novela também da Globo. Edu Porto, que passou pela “Malhação”, fez “José do Egito”, entre outras produções, junto com Vita saiu de cartaz no último domingo, com “Era Só Por Uma Noite”, direto para esta readaptação de Suassuna.

Outros artistas formam este grande elenco, muitos deles da Academia Vita de Atores, com sede em Copacabana, Recreio e Campo Grande!
                                                  
William Vita, ator, diretor e roteirista de diversos projetos teatrais e cinematográficos, propõe que a encenação de cada artista, seja a riqueza do espetáculo, através de leitura própria, performance com o parceiro, na elaboração de seu material cênico e figurino. O trabalho é focado no que o ator pode extrair do jogo teatral, do texto e da construção de imagens cênicas,  proporcionando uma diversão aos próprios atores e principalmente à platéia.

O cenário é de fácil locomoção e mostra a simplicidade do sertão, com a figura da igrejinha ao fundo do palco. O ambiente se transforma na hora do purgatório somente com o auxílio da luz, trazendo ao fundo a sala de julgamento e local da aparição de Manoel e da Compadecida.

A atmosfera da encenação é tomada por uma trilha sonora através de músicas, com características juninas e religiosas.

O autor, Ariano Vilar Suassuna (João Pessoa, 16 de junho de 1927 — Recife, 23 de julho de 2014), romancista, ensaísta, poeta e professor brasileiro foi um defensor da cultura do Nordeste e um dos mais importantes dramaturgos brasileiros.

No ano seguinte de seu nascimento, deixa a Paraíba com a família e passa a morar no sertão. Com a Revolução de 30, seu pai foi assassinado por motivos políticos no Rio de Janeiro.

SAIBA MAIS 

A Sala Baden Pawell abre suas portas a partir das 19 horas, a faixa etária é de 12 anos.


SERVIÇO:
O Auto da Compadecida
Data: 03, 04, 10, 11, 17, 18, 24, 25 e 31 – Todas as quintas e sextas de agosto/2017
Local:   Sala Baden Powell – (Av. N. Sra. de Copacabana, 360  Horário:      - 20h
Ingresso:     - R$ 50 / R$ 25 (meia) – R$ 20
Lista Amiga e Classe Artística pelos telefones: (21) 99999-1-555 (Academia Vita de Atores) Vendas:  - Bilheteria do Teatro: (21) 2255-1067
Academia Vita De Atores: (21) 99999-1-555
Copacabana: Av. N. Sra. de Copacabana, 195 sl 718· Recreio: Shopping Barra World - Mundo Árabe, sl 276 B· Campo Grande: Av. Maria Tereza, 260 sl 524 Ed. Plaza Office Bl. Unique / Idade:   12 anos. Duração: 90 minutos



Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Kreatori promove mais uma Feira de Arte dia 9 de setembro





O Instituto Kreatori é um espaço independente de Cultura e Artes Visuais que faz também a gestão da produtora Kreatori Filmes e da plataforma online de cinema independente Canal O CUBO. Há oito anos instalado em um charmoso casarão na Rua Alice em Laranjeiras o espaço promove no dia 9 de setembro mais um evento, Kreatori Feira de Arte. Feira de trabalhos artísticos em papel como gravuras, prints, aquarelas, ilustrações, fotografias, adesivos, pequenos artesanatos, terrarios, esculturas, bijuterias, camisetas...







Para essa edição contamos com a presença de 13 Artistas expositores: Débora Foiadelli, Fabiano Cafure, ILLNER illustrations, Karenina Marzulo,Laura Nery, Marcella MMagMa, Pedro Fabião, Pedro Machado, Tchello d'Barros, Simone Mendes,Studio Travellero, Vanessa Ximenes e Vanessa Guida.



No delicioso quintal nos fundos da casa a cantina também entra em cena e a GALOVE FOOD proporciona opções para comer e beber com música ambiente para tornar a sua tarde de sábado ainda mais agradável.


A Arte resiste! Em tempos difíceis, artistas buscam formas para viabilizar seus projetos. Os Brigadeiros Gourmet Amor de Chocolate serão vendidos no evento e são produzidos pelo coletivo cultural Grupo A República, formado por Éryca Gonçalves, Gabriel Borges, Lairce Dias, Lucas Liér e Nathy Torres com a finalidade de levantar fundos para a sua mais nova proposta, o filme Íntimo com direção de Fabiano Cafure.

Tem mais! Duas apresentações musicais com Riko Viana e Dalton Ximenes que convida Felipe Fire embalam o final de tarde e a noite do Kreatori. Para dar outros ritmos também haveráapresentação de dança do ventre com a artista Tais Rodriguez.



Dalton Ximenes que convida Felipe Fire embalam o final de tarde e a noite do Kreatori. Para dar outros ritmos também haveráapresentação de dança do ventre com a artista Tais Rodriguez.


O espaço não cobra entrada, mas pede a quem puder uma colaboração a ser deixada logo na entrada para apoiar sua produção.

Serviço:
Dia: 9 de setembro de 2017
Hora: 16hr às 22hr
Local: Instituo Kreatori- Rua Alice, n° 209 - Laranjeiras/ RJ
** Em caso de chuva o evento será adiado.
*** Pagamento em dinheiro.


Facebook: https://www.facebook.com/institutokreatori/


Evento: https://www.facebook.com/events/1614828051901127

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

“Diário” é uma adaptação livre do conto O Diário de um Louco, do escritor russo Nicolai Gogol,


Espetáculo "Diário"

O espetáculo “Diário” é uma adaptação livre do conto O Diário de um Louco, do escritor russo Nicolai Gogol, que traz ao público uma reflexão sobre a loucura abordando conceitos e situações baseadas em fatos reais aproximando o espectador da realidade de um doente mental, repensando assim, a situação do mesmo como cidadão.

Mostra-se o extremo entre a lucidez e os nossos delírios através das situações que a nossa personagem está inserida. O ser humano é colocado em questão. Através de uma personagem esquizofrênica tenta-se externar o que há de mais profundo em cada um, o que há escondido e que deve ser exposto e qual o nosso limite para ultrapassar a sanidade que a sociedade nos impõe.


Serviço

Diário

Dias: 19 e 26 (sábados) de agosto Horário: 20h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia-entrada)

Lista amiga: R$ 10,00 reais (enviar e-mail com o(s) nome(s) para ciablacktie@gmail.com)

Local: Escola Fábrica Oficina Social de Teatro

Rua Saldanha Marinho, 14, Centro - Niterói

Faixa Etária: 12 anos

Informações: 2721-0468
Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

17 de ago de 2017

O mundo de faz de conta está na programação educativa da CAIXA Cultural Rio de Janeiro em duas atividades oferecidas pelo Programa Educativo Gente Arteira, no mês de agosto.



O mundo de faz de conta está na programação educativa da CAIXA Cultural Rio de Janeiro em duas atividades oferecidas pelo Programa Educativo Gente Arteira, no mês de agosto. Para os universitários, um bate-papo que relaciona aspectos psicológicos ao tema de fantasia; para os pequenos, uma viagem lúdica e sensorial a um lugar de personagens inesquecíveis, tudo inspirado pelos bonecos e marionetes da Mostra Mundo Giramundo(em cartaz na CAIXA Cultural Rio de Janeiro até o dia 27 de agosto).



No dia 25 de agosto (sexta-feira), às 19h, a Conversa sobre psicologia e o mundo do faz de conta abordará a fantasia a partir do viés psicológico, desvendando como as lendas e fábulas podem refletir valores e comportamentos de cada época. A atividade é voltada para estudantes dos cursos de psicologia, ciências sociais, antropologia, pedagogia, história, letras e afins, com classificação indicativa de 18 anos.

Já no dia 27 de agosto (domingo), às 15h, será a vez dos pequenos adentrarem o espaço fantástico durante a atividade Pequena Gente Arteira – No mundo de faz de conta. O evento oferece uma imersão no universo da Mostra Mundo Giramundopara crianças com idade entre 1 e 3 anos, onde música e teatro proporcionarão experiências sensoriais, artísticas e educativas.

Da fantasia para as artes, a Roda de Conversa Gente Arteira do mês de agosto terá como tema o questionamento Quem tem medo de arte contemporânea? O evento, que acontece no dia 19 (sábado), às 15h, propõe uma discussão acerca de aspectos estéticos, intencionais e formais da produção artística contemporânea, buscando compreender uma concepção comum de que este tipo de arte seria algo distante e de difícil apreciação. O bate-papo se destina ao público universitário a partir dos 18 anos e é inspirado nas exposições In Memoriam e Retroperformance (em cartaz nas galerias 2 e 3, respectivamente).


Programação:

Conversa sobre psicologia e o mundo do faz de conta

Data: 25 de agosto (sexta-feira)

Horário: das 19h às 20h

Local: Cinema 2

Classificação indicativa: 18 anos

Pequena Gente Arteira – No mundo de faz de conta

Data: 27 de agosto (domingo)

Horário: às 15h

Local: Galeria 4

Classificação indicativa: Livre

Roda de Conversa Gente Arteira - Quem tem medo da arte contemporânea?

Data: 19 de agosto (sábado)

Horário: das 15h às 17h

Local: Cinema 2

Classificação indicativa: 18 anos

Serviço:

Programa Educativo CAIXA Gente Arteira

Entrada franca
Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro

Data e horário: Consultar programação

Endereço: Av. Almirante Barroso, 25, Centro (Metrô e VLT: Estação Carioca)

Classificação Indicativa: Consultar programação

Agendamento e informações: (21) 3980-4898 |agendamento@gentearteirarj.com.br


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Companhia comemora uma década de atividades com apresentação de três espetáculos criados para toda a família: O Menino que Brincava de Ser’, Cabeça de Vento e Juvenal, Pita e o Velocípede


Mostra de Repertório Pandorga 10 Anos 
ocupa o Centro Cultural Justiça Federal 

Companhia comemora uma década de atividades com apresentação de três espetáculos criados para toda a família: O Menino que Brincava de Ser’, Cabeça de Vento e Juvenal, Pita e o Velocípede


Mostra oferece oficinas de artes cênicas com os fundadores do grupo, Cleiton Echeveste e Eduardo Almeida, e promove uma mesa-redonda sobre produção de teatro para crianças e jovens

Para celebrar uma década em atividade, a Pandorga Companhia de Teatro apresenta seu repertório de espetáculos criados para toda a família – crianças e adultos de todas as idades – no evento Mostra de Repertório Pandorga 10 Anos, a partir do dia 19 de agosto, no Centro Cultural Justiça Federal, no Centro. Fundada em 2007, a Pandorga é formada por Cleiton Echeveste (dramaturgo e diretor) e Eduardo Almeida (ator e produtor), e conta com um time de colaboradores regulares.

Entre 19 de agosto e 24 de setembro, sempre aos sábados e domingos, às 16h, o público confere três montagens criadas entre 2007 e 2015, com dramaturgia de Cleiton Echeveste:  O Menino que Brincava de Ser’, Cabeça de Vento e Juvenal, Pita e o Velocípede. Peça inspirada no livro homônimo de Georgina Martins e direção de Echeveste, O Menino que Brincava de Ser (2007) apresenta questões atuais presentes no universo familiar e escolar das crianças: o respeito à diversidade, o direito à liberdade de expressão, o bullying e o questionamento de limites e padrões socialmente impostos.

Em Cabeça de Vento (2012), direção de Echeveste, Léo é apaixonado por pipas, brincadeira que aprendeu com seu recém-falecido pai. A peça a aborda questões como afeto, morte, luto na infância, família e construção de identidade. No monólogo Juvenal, Pita e o Velocípede (2015), o ator Eduardo Almeida empresta as próprias lembranças da infância para contar as histórias do menino Juvenal, que está prestes a reencontrar uma amiga de infância, a Pita, e relembra marcantes aventuras da infância. A direção é de Cadu Cinelli, integrante do grupo Os Tapetes Contadores de Histórias.

A Mostra de Repertório Pandorga 10 Anos também promove três oficinas em que seus integrantes compartilham sua visão sobre o teatro e seus processos de trabalho, para estudantes, professores e artistas. Eduardo Almeida ministra Memória e Infância, oficina prática de teatro para estudantes de artes cênicas, tendo como base o processo de criação de Juvenal, Pita e o Velocípede. Cleiton Echeveste está à frente de duas oficinas: Processo Colaborativo em Teatro voltada para professores da rede pública de ensino, e Dramaturgia, encontro teórico-prático a partir da experiência de criação dos espetáculos da companhia, todos autorais e voltados para públicos de todas as idades.

A mesa-redonda Produção de Teatro para Crianças e Jovens busca identificar os caminhos da produção atual na cidade e no estado do Rio de Janeiro, tendo como foco a construção e manutenção de repertório, em suas interfaces com a escola pública. Com mediação de Eduardo Almeida, a mesa é formada por Lílian Bertin (Realejo Produções), Ludoval Campos (Tibicuera & Cia. e CBTIJ/ASSITEJ Brasil e Ribamar Ribeiro (Os Ciclomáticos e FETAERJ).

OS ESPETÁCULOS

Espetáculo: O Menino que Brincava de Ser
Peça inspirada no livro homônimo de Georgina Martins
Dramaturgia e Direção Cleiton Echeveste
Elenco: Giuseppe Marin, Tatiana Henrique e Thiago Monte.
Sinopse: Dudu é uma criança que adora brincar de faz de conta com seus amigos. A possibilidade de ser um novo personagem encanta o menino. No entanto, aos olhos da família e da escola nem sempre suas fantasias são bem vistas. De maneira lúdica e bem-humorada, O Menino que Brincava de Ser apresenta questões atuais presentes no universo familiar e escolar das crianças: o respeito à diversidade, o direito à liberdade de expressão, o bullying e o questionamento de limites e padrões socialmente impostos.  Inspirado no livro homônimo de Georgina Martins e com direção de Cleiton Echeveste, a montagem conta a história de três crianças durante o ensaio de um espetáculo de teatro, que apresentarão no auditório da escola. O texto escolhido é O Menino que Brincava de Ser. Dudu é uma criança saudável que gosta de brincar de ser vários personagens – magos, bruxas, heróis ou heroínas – e sofre com piadas na escola.

Espetáculo: Cabeça de Vento 
Dramaturgia e Direção: Cleiton Echeveste
Elenco: Eduardo Almeida, Giuseppe Marin e Tatiana Henrique
Sinopse: Léo é apaixonado por pipas, brincadeira que aprendeu com seu recém-falecido pai. Ao ganhar de presente um livro que pertenceu a ele, o menino conhece três personalidades que marcaram a humanidade: o cientista e inventor americano Benjamin Franklin, a guerreira rainha chinesa Fu Hao e o rei da Inglaterra Ricardo Coração de Leão. Os inusitados encontros aproximam Léo de um novo olhar sobre a vida e morte. Através da imaginação e poesia, Cabeça de Vento aborda temas como afeto, morte, luto na infância, família e construção de identidade. Léo conduz os espectadores a uma jornada de amadurecimento e aprendizado.

Espetáculo: Juvenal, Pita e o Velocípede 
Elenco: Eduardo Almeida
Direção: Cadu Cinelli
Dramaturgia: Cleiton Echeveste
Sinopse: Juvenal tinha cinco anos de idade e adora brincar com o seu velocípede. Um dia descansando embaixo de um cajueiro, ele conhece uma menina chamada Pita. Eles se tornam amigos inseparáveis e vivem grandes aventuras a bordo de um velocípede construído pelo tio do menino. No monólogo Juvenal, Pita e o Velocípede, o ator Eduardo Almeida empresta as próprias lembranças da infância para contar as histórias do menino Juvenal.  Com dramaturgia de Cleiton Echeveste, a peça tem direção de Cadu Cinelli, integrante do grupo Os Tapetes Contadores de Histórias.

Dias: 19, 20 e 27 de agosto, às 16h.
Espetáculo: O Menino que Brincava de Ser

Dias:  2, 3, 9 e 10 de setembro, às 16h.
Espetáculo: Cabeça de Vento

Dias:  16, 17, 23 e 24 de setembro, às 16h.
Espetáculo: Juvenal, Pita e o Velocípede


SERVIÇO DOS ESPETÁCULOS E DA MESA-REDONDA

Dias: 19, 20 e 27 de agosto, às 16h.
Espetáculo: O Menino que Brincava de Ser

Dias:  2, 3, 9 e 10 de setembro, às 16h.
Espetáculo: Cabeça de Vento

Dias:  16, 17, 23 e 24 de setembro, às 16h.
Espetáculo: Juvenal, Pita e o Velocípede

SAIBA MAIS

Local: Centro Cultural Justiça Federal (Av. Rio Branco, 241 – Centro). Metrô/VLT: Cinelândia.
Telefone: (21) 3261.2550.                
Ingresso: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) A bilheteria abre às 14h nos dias de apresentações.
Classificação etária dos espetáculos: Livre /Recomendação etária: crianças a partir dos 6 anos.
Duração: cada espetáculo tem duração de 55 min.
Capacidade do teatro:
142 lugares (O Menino que Brincava de Ser e Cabeça de Vento)
80 lugares (Juvenal, Pita e o Velocípede)

Mesa-Redonda: Produção de Teatro para Crianças e Jovens
Local: Cinema do CCJF.
Número de participantes limitado: 60 pessoas.
Dia e horário: 15 de setembro (sexta), das 16h30 às 18h30.
Entrada franca. As senhas serão distribuídas 30 minutos antes do início do encontro, na bilheteria do CCJF.


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Grand Mercure estreia projeto Grand Sessions com show de Thalita Pertuzatti, ex-The Voice

Grand Mercure estreia projeto Grand Sessions com show de Thalita Pertuzatti, ex-The Voice


Noite inclui jantar exclusivo preparado pelo chef Victor Hugo. Palco 360º será montado na varanda do Brisa Restô, com capacidade para 300 pessoas sentadas.

Inaugurando a série de shows intimistas batizada de Grand Sessions, mais novo projeto do cinco estrelas Grand Mercure, a varanda do Brisa Restô recebe a cantora Thalita Pertuzatti, dia 26 de agosto, a partir das 20h.  Ex-The Voice e considerada a “Whitney Houston brasileira” pelo público,
Thalita chama a atenção pelo domínio vocal e seu repertório com muito R&B, MPB e world music, que estarão presentes no setlist da noite do próximo sábado. Com um palco 360º construído no meio do espaço, o primeiro Grand Sessions será aberto com uma apresentação do cantor e compositor Guilherme Boisson, enquanto o público saboreia um buffet completo e exclusivo criado pelo chef espanhol Victor Hugo (cardápio abaixo). Ao final do jantar, às 21h30, tem início o show da grande atração da noite.


O pacote com direito ao jantar no Brisa Restô e aos shows de Guilherme Boisson e Thalita Pertuzatti, custa R$ 140,00/pessoa 
(sem bebida) e já está a venda pela internet, com taxa de serviço: http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913 ou diretamente na recepção do Grand Mercure Riocentro.


Grand Sessions com Thalita Pertuzatti
Local: Hotel Grand Mercure
Av. Salvador Allende, 6555 - Barra da Tijuca
Data: 26 de agosto
Horário: 20h
Abertura: Guilherme Boisson
Banda Principal: Thalita Pertuzatti
Ingressos: 
http://www.ingressocerto.com/grand-sessions-thalita-pertuzatti-p182913

Valor: R$ 140 (jantar incluso e bebidas à parte)

Estacionamento no local
Classificação: 18 anos.


Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Mojubá - Uma referência à consciência: Afrojazz, Jesuton e Larissa Luz, dia 19/08 no Teatro Rival



19/08 (sábado) Mojubá - Uma referência à consciência: Afrojazz, Jesuton e Larissa Luz: A enérgica tríade artística AFROJAZZ, LARISSA LUZ e JESUTON celebra o espetáculo musical “Mojubá – Uma Reverência à Consciência”. Parceiros musicais e de ideais, partilham o propósito de valorização, pertencimento e criticidade ao legado cultural negro, sublimando a linguagem musical e cênica, na interpretação única de grandes ícones como Elza Soares, Nina Simone, Wilson Simonal, Erykah Baduh, Luiz Melodia, além de seus sucessos autorais. O show contará ainda com a participação de artistas de grande representatividade nacional e internacional. Sob a legitimidade de suas construções individuais, compõem questionamentos sobre a relevância e representatividade do ancestral no seu papel de construção referencial e virtuosa da vida, concomitantes ao transbordar de reflexões sobre a difícil experiência contemporânea de resistência cultural negra, tornando a conclusão prática de que juntos e conscientes somos e podemos muito mais. Horário: 21h. Preços: R$ 40/20 (1o. lote) e R$ 50/25.


______________________

Agenda Cultural RJ - Divulgação Cultural - Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas. Divulgação de Mídia Online. Gabriele Nery - agendaculturalrj@gmail.com #agendaculturalrj Instagram

Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

Minha lista de blogs